Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Penitência

Diarística. Autoficção. Rompantes mais ou menos semânticos.

Penitência

Diarística. Autoficção. Rompantes mais ou menos semânticos.

Treino auditivo

Não acuses o cansaço, o prodígio do verso é não se fazer último, terminado, manilha infame, sopro continuado. O mal é zurzir os ouvidos de ranço, tapume da boca do pássaro, e ir (...)

Pum, gente.

E, de mais a mais, who the fuck cares? Sem tímpano, com tímpano, com conselho, amor de classe, e sem magistratura, que a vida é uma gagalhada e a Bíblia anterior aos códigos, mais meco (...)

Linha à margem

Tinha a lâmina pronta e acerada Mas a criança o cabelo enodado E temi-me que a dissessem feia ou até desmazelada que às vezes não é o desvelo com que magoam o que fere, mas as (...)

Humanidade reloaded

Com que lavas as tuas mãos  diariamente da culpa do crime de guerra?  Com que cara sais à rua do outro lado do cerco? Com que pele nadas no mediterrâneo onde a criança sucumbiu? Co (...)